Se você ainda utiliza processos de desenvolvimento tradicionais nos seus projetos (software, advocacia, contabilidade ou qualquer outro tipo), sem envolver o cliente, pare agora mesmo e leia sobre o Scrum. O Scrum é um framework estrutural que foi criado para ser aplicado em desenvolvimento de software, porém está sendo utilizado em diversos gerenciamentos de projetos em outras áreas também. O scrum aplicado em 1993 por Jeff Sutherland, John Scumniotales e Jeff McKenna, que implementaram o framework na empresa Easel Coporation.

O princípio básico do Scrum é que o conhecimento no gerenciamento de projetos vem, além do conhecimento técnico, também das experiências anteriores em projetos semelhantes e nas decisões que foram tomadas naquelas experiências. Ou seja, analisa-se o passado para melhorar controlar os riscos e decisões futuras. Para tanto, a massa de trabalho foi dividida em ciclos menores, conhecidas como sprints, com duração até quatro semanas e sendo caracterizada como processo iterativo de desenvolvimento.

Scrum: passo a passo

1. O início da aplicação Scrum no desenvolvimento de projeto é a elaboração da lista de requisitos do cliente já com as funcionalidades que deverão ser implementadas no projeto. Nesta etapa o cliente é totalmente ativo. Cria-se então o “product backlog”.

2. Depois disso, é hora de planejar o primeiro ciclo do projeto. Isso é feito com a equipe scrum, o responsável pelo projeto e o responsável pela definição e priorização dos requisitos em questão. Nessa reunião de equipe conhecida como Sprint planning meeting, define-se a priorização dos requisitos contido no product backlog (a lista que fiu criada no passo 1). Essa definição gera outra lista, chamada de Sprint backlog, com todas as atividades possíveis de serem executadas no próximo Sprint.

3. Durante as semanas de Sprint, há reuniões periódicas para que sejam reportados feedbacks e as atividades realizadas, além dos problemas enfrentados pela equipe na execução dos requisitos.

4. Quando se termina cada Sprint, a equipe reúne-se novamente para a reunião de Sprint review meeting, onde todas as atividades desenvolvidas são apresentadas. É feito uma comparação do que foi definido e do que foi alcançado, apontando os pontos positivos e os pontos de atenção para o próximo Sprint.

5. E o framework é aplicado novamente através dos sprints que duram até quatro semanas cada um para que o objetivo seja alcançado em partes e no menor tempo possível

Benefícios do Scrum

O Scrum é um framework considerado metodologia ágil e o foco está em criar de equipe mais eficientes, dinâmicas e com alto nível de envolvimento e comunicação. Veja alguns benefícios que esse framework consegue alcançar durante o desenvolvimento de projetos:

  • O cliente torna-se totalmente parte do projeto;
  • O cliente recebe as entregas mais vezes durante o projeto e tem a certeza de que o projeto está evoluindo;
  • O projeto torna-se flexível – há potencial para se responder mais às mudanças do que ao planejamento;
  • O produto final entrega valor e atende às necessidades do cliente, já que ele está presente em grande parte do projeto e acompanha de perto a entrega de cada Sprint.

[]’s,

Lameck Oliveira.
CEO & Partner na Diferencial TI.